12 novembro, 2007

Sentimentalidades...

Poema de amor

Clau Alexandre

Teu sentimento
poema bem escrito
de palavras sussurradas
como a brisa
tocando meu lábios
durante o beijo


Tua boca
pena de tinta carmin
de sons suaves e indeléveis
como sinfonia harmônica
que envolve meu corpo
num doce abraço



Tuas mãos
laços firmes
de toque aveludado e forte
como seda magnífica
que me prende
junto a ti



Teu querer
coração pulsante
e meu
como teu
o meu coração é

No player
Rita Ribeiro - Pensar em você






Agradecendo a Paula pelo meme que ela tão gentilmente me ofertou lá no Maça do topo.
Obrigada, Paulinha. Sinto-me realmente honrada.
Deveria indicar 5 outros ganhadores, mas é só dar uma olhada alí na coluna à direita no "Quebra Mar" e você vai ter uma lista daqueles que pra mim são escritores da liberdade. Sintam-se à vontade e presenteados.

2 comentários:

  1. Não há de que, coração!!! (:

    Você merece!

    Também fico confusa em quem indicar. Amo todos os blogs que linko. E até alguns que ainda não linkei. [risos]

    O poema é maravilhoso! falar de há-mar é sempre um delícia. Ler, então... hum!

    Beijos, lindeza.

    ResponderExcluir
  2. Encantada em conhecer...:)

    ResponderExcluir

Olá! Feliz que você queira deixar um rastro nas águas desse Mar de Palavras®. Gosto de lê-los e saber como cada um sente ao ler o que aqui eu exponho a vocês.
Fiquem sempre à vontade... mas é bom lembrar:

Os comentários aqui publicados são de exclusiva e integral autoria e responsabilidade dos leitores que dele fizerem uso. Reservo-me, desde já, o direito de excluir e/ou não publicar comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos sem a devida identificação de seu autor (nome ou nick e endereço válido de e-mail) também serão excluídos.

... εϊз "Não se preocupe em entender. Viver ultrapassa todo entendimento" (Clarice Lispector) εϊз ...